Moradora do RJ hospedará 8 jovens para a jornada

Voluntária da JMJ aguarda peregrinos em sua casa

Alessandra Borges,
Da Redação

Elienai Carmo - Voluntária da JMJ

Elienai Carmo – Voluntária da JMJ / Foto: Arquivo Pessoal

Faltam cinco dias para o início da Jornada Mundial da Juventude. Esta edição será realizada no Brasil, e, logo os peregrinos chegarão na Cidade Maravilhosa para participar do encontro com o Papa Francisco.

Estes peregrinos serão acolhidos por famílias inscritas para hospedá-los. A equipe do Destrave entrevistou, no ano passado, Elienai Carmo, acolhedoras e voluntária da JMJ. Hoje, entramos em contato com ela novamente para saber como está sua expectativa e os preparativos para receber os jovens em sua casa.

Elienai vai acolher oito peregrinas, mas ainda não recebeu a informação de qual país estas jovens virão. Segundo ela, provavelmente receberá italianas, pois a paróquia que frequenta – São Paulo Apóstolo (Copacabana – RJ) – vai acolher uma comitiva de peregrinos italianos.

“É possível que os peregrinos sejam italianos, franceses ou de algum país de língua portuguesa, pois serão os idiomas das outras duasparóquias próximas à minha casa. Mas independente do idioma/país de origem, os peregrinos serão todos bem-vindos à minha casa!”, contou Elienai.

O espírito da Jornada já tomou conta da cidade do Rio de Janeiro, pois, nesta semana, uma juventude de estrangeiros circulam pelas paróquias e dioceses do Brasil. Elienai conta que sua paróquia recebeu, nestes dias, jovens, religiosas e padres franceses e italianos para os momentos de adoração e louvor.

A voluntária entrou neste clima e preparou sua casa com bandeiras dos Brasil, decoração verde e amarela e pôster do Papa Francisco, além de deixar um miniestoque de chocolate e guloseimas para recepcionar as jovens.

“Estou com o coração inquieto, com uma certa dose de ansiedade e muita emoção em pensar que, por meio do meu gesto de acolhimento desses peregrinos, estou participando indiretamente do processo de evangelização deles. Rezei alguns terços pelos peregrinos (rezei terço Mariano, terço da Misericórdia, da Odetinha e o terço Vocacional dos padres Barnabitas), os quais serão distribuídos a eles, a começar pelos peregrinos que ficarão em minha casa”, disse Elienai.

Com o coração aberto para recepcionar estas jovens, a voluntária aguarda o contato da equipe de hospedagem da JMJ para ir até a sua paróquia recebê-las.

Assista à entrevista que fizemos com Elienai Carmo para o Destrave:

Comentários O seu comentário será aprovado automaticamente, portanto evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo