Semana Missionária

Peregrinos argentinos visitam a Canção Nova

A expectativa é grande para a Jornada Mundial da Juventude, que acontecerá entre os dias 23 a 28 de julho, no Rio de Janeiro (RJ).

O padre  argentino German Pickelny - foto: Robson Siqueira/CN

O padre argentino German Pickelny – foto: Robson Siqueira/CN

Muitos peregrinos já chegaram ao Brasil para a Semana Missionária, um evento que reúne milhares de jovens em diversas dioceses do país. Nesta quinta-feira (18), um grupo especial de 15 jovens argentinos visitou as dependências da Canção Nova. Eles pertencem à diocese de San Juan Cuyo, noroeste da Argentina.

“A expectativa para esta Jornada é descobrir uma juventude renovada por meio deste encontro pessoal com Jesus. E, é claro, a partir desta renovação interior, colocar-se a serviço como missionários em grupos de jovens e pastorais”, disse padre German Pickelny, sacerdote que acompanha os jovens.

Segundo padre German, cerca de 266 jovens da diocese vieram para a Semana Missionária e foram acolhidos na diocese de Guarulhos (SP). Para o sacerdote, esta é uma JMJ especial, pois existe uma grande expectativa em ouvir o antigo Cardeal Arcebispo de Buenos Aires, hoje Papa Francisco.

“Os argentinos também foram surpreendidos pela eleição do Papa Francisco, porque, inclusive na Argentina, não se conhecia muito a obra de Bergolio, pois ele era considerado uma pessoa simples; nem os próprios argentinos sabiam muitos de sua humildade, de seus trabalhos na periferia e favelas de Buenos Aires. Mas agora estamos muito contentes e com uma grande expectativa em ouvir suas palavras”, concluiu o sacerdote.

Segundos dados do COL (Comitê Organizador Local) da JMJ, os argentinos constituem o maior grupo de peregrinos extrangeiros vindos para o Rio de Janeiro, com aproximadamente 25 mil representantes, número que aumentou consideravelmente depois da eleição de um argentino como sucessor de Pedro. Segundo a imprensa argentina e o arcebispado de Buenos Aires o número de viajantes para o Rio deve ultrapassar o número de 40 mil peregrinos.

Grupo de Argentinos da diocese de San Juan Cuyo, noroeste da Argentina - foto: Robson Siqueira/CN

Grupo de Argentinos da diocese de San Juan Cuyo, noroeste da Argentina com voluntários da diocese de Guarulhos -SP / foto: Robson Siqueira/CN

Comentários O seu comentário será aprovado automaticamente, portanto evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo