Coletiva de imprensa

Papa ficou muito feliz com a Via-Sacra, garantiu padre Lombardi

Porta-voz do Vaticano falou aos jornalistas neste sábado

Daniel Machado
Da redação

lombardi_coletiva

Padre Federico Lombardi, porta-voz do Vaticano. (FOTO: Wesley Almeida)

“O Papa ficou muito feliz com o que viu na Via-Sacra”, assegurou o diretor da Sala de Imprensa do Vaticano, padre Federico Lombardi, durante coletiva de imprensa neste sábado, 27, na cidade-sede da Jornada Mundial da Juventude 2013, no Rio de Janeiro (RJ).

 Segundo o porta-voz, Papa Francisco ficou admirado com as reflexões e atuações dos jovens na encenação da Via-Sacra, sempre fazendo alusão aos desafios enfrentados por eles na sociedade, bem como com a calorosa recepção dos fiéis no momento de sua chegada à praia de Copacabana.

Manhã de sábado

Ao se referir à agenda do Sumo Pontífice deste dia, padre Federico destacou as palavras de Sua Santidade durante a celebração da Santa Missa da manhã para bispos, padres e seminaristas, as quais ressaltaram, mais uma vez, a importância da “cultura do encontro”, expressão própria de Francisco.

“O Papa Francisco foi aplaudido pelos bispos quando se dirigiu, com afeto, aos bispos eméritos, deu ênfase ao Documento de Aparecida e falou também da missão da Igreja do Brasil, na Amazônia. Esse discurso do Papa já é o mais longo do seu pontificado”, ressaltou o porta-voz.

“Cada vez que o Santo Padre tem uma audiência com pessoas muito importantes, como governantes, presidentes, bispos, ele coloca em relevo esta questão da ‘cultura do encontro’, como forma de ir contra a corrente da ‘cultura do descarte e da exclusão’”, recordou o sacerdote.

Com relação ao encontro com os dirigentes da sociedade civil, padre Federico salientou a espontaneidade do evento. Segundo o porta-voz, estiveram presentes duas pessoas de etnia indígena, um pastor da Igreja Presbiteriana, um representante do candomblé, um representante islâmico, dentre outros. Um rabino também foi convidado para o encontro, contudo não pôde comparecer devido à observância do sábado, dia santo para os judeus, razão pela qual esse momento entre os dois foi transferido para segunda-feira, 29.

Comentários O seu comentário será aprovado automaticamente, portanto evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo