Coletiva com porta-voz do Vaticano

Padre Lombardi revela: Papa está muito contente com a acolhida no Brasil

Papa viu como entusiasmo reação dos peregrinos em sua chegada

Jéssica Marçal
Enviada especial ao Rio de Janeiro

Padre Lombardi revela: Papa está muito contente com a acolhida no Brasil

Padre Lombardi durante coletiva no Media Center/Foto: Robson Siqueira-CN

Logo após a acolhida ao Papa Francisco, nesta segunda-feira, 22, no Palácio da Guanabara, no Rio de Janeiro, o porta-voz do Vaticano, padre Federico Lombardi, dirigiu-se ao Media Center, no forte de Copacabana, para coletiva de imprensa com os jornalistas.

“A primeira coisa a dizer é que o Papa está muito contente com o modo como o povo no Brasil expressou o amor por ele em sua vinda aqui e está muito contente de participar da JMJ aqui no Rio de Janeiro”, informou o porta-voz logo no início da entrevista.

Ele disse que Francisco fez uma viagem muito tranquila, mas muito ativa, mantendo contato com jornalistas e também com seus colaboradores. “Ele praticamente não descansa”, disse.

De acordo com o porta-voz, o Papa viu como um gesto de entusiasmo a atitude dos fiéis em sua chegada. Padre Lombardi informou que o secretário do Papa temia os momentos em que o carro parava, mas o Papa estava sempre muito sorridente e contente. “Foi um momento no qual ele pôde ver o entusiasmo em torno da sua pessoa”.

Voo papal

O porta-voz também forneceu alguns dados sobre a conversa do Papa com os jornalistas durante o voo papal. Um dos pontos destacados pelo Pontífice, na ocasião, foi sobre sua perspectiva específica em relação à JMJ. Trata-se de ver a juventude não como isolada da sociedade, mas em um contexto mais amplo da sociedade.

Um segundo ponto destacado foi a necessidade de se conciliar a força dos jovens com a sabedoria dos anciãos. Além disso, ele falou, em seu breve discurso, sobre a cultura do descartável, da necessidade de se colocar contrário a ela, e em prol da cultura do encontro.

Encontro privado com a presidente

Sobre o encontro privado do Papa com a presidenta Dilma Rousseff, realizado há pouco no Palácio Guanabara, o Pontífice contou que a presidente disse ter ficado impressionada com o discurso do Santo Padre em Lampedusa [ilha italiana do Mediterrâneo], durante a visita do Pontífice ao local há duas semanas.

Além disso, eles falaram sobre a cultura do encontro e Dilma disse esperar que a vinda do Papa seja um encorajamento da fé católica no Brasil.

Bomba em Aparecida

Quanto à pequena bomba que foi encontrada no banheiro do Santuário Nacional, neste domingo, 21, padre Lombardi disse que não há preocupação em relação a isto, pois o incidente não tem relação com a visita do Papa.

O Santo Padre visita o Santuário Nacional, nesta quarta-feira, 24. Padre Lombardi recordou que Francisco tem uma grande devoção mariana e a visita a Aparecida foi seu primeiro desejo após a confirmação de sua viagem ao Rio para a JMJ.

 

 

 

 

 

Comentários O seu comentário será aprovado automaticamente, portanto evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

Este conteúdo foi plublicado na(s) categoria(s) Noticias.
↑ topo